O que diferencia um tumor benigno de um maligno?

Você já aprendeu com a gente um pouco sobre tumores ósseos, mas você sabe o que diferencia um tumor benigno de um maligno? Basicamente, a diferença entre benigno e maligno é definida pela aparência e estrutura das células atacadas pelo tumor. Os tumores benignos são constituídos por células bem semelhantes às que os originaram e não possuem a capacidade de provocar metástases. Já os malignos são agressivos e possuem a capacidade de infiltrar outros órgãos, mesmo distantes.

A multiplicação celular é “controlada” pelos chamados oncogenes ativadores, que regulam o crescimento e a morte da célula. No tumor benigno há uma mutação na estrutura genética dos oncogenes, mas nada capaz de “descontrolá-la”.

O mesmo não ocorre com os tumores malignos, que crescem sem controle por conta da alteração genética. Em resumo, o tumor benigno tem células que crescem lentamente (ou nem crescem) e semelhante às do tecido normal. Na maioria dos casos podem não precisar de cirurgia, e quando essa é necessária,é possível serem totalmente removido (e o paciente curado).

Já no tumor maligno as células multiplicam-se rapidamente e têm a capacidade de “invadir” estruturas próximas ou afastadas do local de origem. A cura neste tipo de tumor depende do diagnóstico precoce e do tratamento adotado.

O Ortopedista Oncológico é o profissional mais adequado para decidir essas condutas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×