Você sabe o que é cifose?

Conhecida pelos especialistas como “hipercifose”, a cifose é o aumento do ângulo de uma das curvaturas fisiológicas da coluna. Ela ocorre na região do tórax e faz com que a parte superior das costas pareça mais arredondada que o normal: a famosa “corcunda”. A coluna vertebral possui quatro curvaturas fisiológicas: lordose cervical, cifose torácica, lordose lombar e cifose do sacro. Cada uma delas tem uma função, porém, quando o ângulo da curvatura é aberto ou fechado demais, elas podem causar problemas ao paciente.

No caso da cifose torácica, o ângulo de curvatura ideal se encontra entre 20º e 45º. Menos ou mais que isso pode causar deformidades, dores, rigidez, sensibilidade, danos ao sistema nervoso, entre outros. O indivíduo com cifose, muitas vezes, apresenta os ombros, o pescoço e a cabeça inclinados para frente. A condição pode surgir como compensação de outras condições na coluna vertebral, como a lordose e escoliose.

Considerada uma doença da coluna, a cifose pode ser curada e está relacionada com outras doenças como o dorso curvo postural, doença de Scheuermann (que tem início na adolescência) e doenças reumatológicas da coluna. Embora a causa real da hipercifose não seja bem conhecida, existem alguns fatores que estão intimamente ligados ao desenvolvimento da curvatura anormal da coluna. São eles: a má postura, a idade, osteocondrite, osteoporose, formação anormal das vértebras, Doenças neuromusculares e reumatológicas, Traumas na coluna vertebral e tumores.

Como a cifose não apresenta sintomas, o paciente deve buscar um médico se notar alguma deformidade no corpo, como: deformidade rápida em alguma região da coluna; emagrecimento sem relação à mudança de hábitos alimentares e sensibilidade ou fraqueza nos membros inferiores. O profissional que vai diagnosticar a cifose é o ortopedista então notando alguma alteração, consulte o especialista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×